Design da Mata apresenta obras de Jorge Brito, ícone da cultura brasileira, na Livraria Cultura
Jorge Brito

Obras de Jorge Brito na Livraria Cultura

Há 5 anos, o Design da Mata apresenta uma nova maneira de comercializar o artesanato feito por comunidades dos mais diversos biomas brasileiros. Mais do que vender, o núcleo quer contar histórias, criando uma vivência à sociedade, sobre o processo produtivo do começo ao fim.

Com o objetivo de apoiar os trabalhos voltados para o desenvolvimento de comunidades ao redor do Brasil, o projeto dissemina cultura através da comercialização consciente, por meio da arte nas mais variadas manifestações.

Em sua última edição, o Design da Mata apresentou algumas das obras de Jorge Brito, que pelo sucesso, acaba de aterrissar na Livraria Cultura. O artista de 80 anos, de Visconde de Mauá, representado pelo gestor cultural Piatã Stoklos Kignel, iniciou seus trabalhos em 1985, quando era pedreiro na casa de Roberto Magalhães, no Vale das Flores, e incentivado pelo artista, começou a usar tintas em seus trabalhos.

 Jorge Brito

Pássaros de Jorge Brito

Mestre Jorge Brito recolhe pedaços de madeira no mato e no lixo, transformando raízes e paus retorcidos em animais, flores e formas abstratas com extraordinária e privilegiada sensibilidade representando com muitas cores e formas a cultura brasileira.

São as flores, aves e animais que ele conhece e convive desde sempre, que saem do seu inconsciente para as suas mãos habilidosas e para o facão que ele administra com maestria.

Num pequeno barraco do Lote 10, à beira da estrada, Jorge Brito trabalha e expõe o que faz. Muitas de suas peças já foram levadas para diversos estados do Brasil e tantas outras para o exterior, como Londres, Paris e Nova Iorque.

Serviço:
facePage: Design da Mata
webSite: Livraria Cultura